segunda-feira, 29 de março de 2010

Frisson


Acordei com aquela boa e velha vontade de voar. Vontade, a qual se fez presente o tempo inteiro mas que nunca foi saciada, não por falta de oportunidade, mas por medo de altura. E hoje decidi que vou perder esse medo – enfrentarei uma altura vertiginosa.

Loucuras foram feitas para serem cometidas e hoje chegarei ao meu limite, ou ainda melhor: ultrapassá-lo-ei. Vinte e quatro horas não serão suficientes - quero dançar noites inteiras, sem parar. Lançar um olhar sedutor para aquela pessoa do outro lado da rua, que ao menos sei o nome, só pra provocar. Quero fazer uma guerra de travesseiro de penas de ganso e sujar a casa toda. Rolar no chão. Brincar com bolinhas de sabão...

Ser criança é uma coisa. Hoje sou mulher e sinto-me criança, o que é totalmente diferente. Sou uma pequena mulher que brinca de esconde-esconde, mas também sou uma grande menina com uma carteira de motorista nas mãos. Creio que este seja um gostinho de liberdade, e é doce.

Dar-me-ei o luxo de esquecer todas as tristezas por alguns dias. Quero apenas fazer brindes.

Um brinde àquela lata velha, estacionada do outro lado da rua. Um brinde aos insetos que rodeiam a lâmpada do poste mais antigo da cidade. Um brinde ao que não é notável e ao que é indispensável também, por isso brindemos ao nosso salário no fim do mês, aos finais de semana e feriados. Um brinde ao que temos (até ao que não temos). Um brinde a mim, um brinde a todos nós.

Ainda que seja momentânea, que sensação maravilhosa essa tal de Liberdade! Estou quase chegando no ponto mais alto, de onde irei saltar...


Me arrependi de estar ali por um segundo e quando cheguei ao topo quis voltar, sentir meus pés no chão. Foi aí que o vento soprou e eu esqueci qual era o meu medo. E mentalmente gritei uma viva a todo o amor que há no mundo. Viva!

Fechei os olhos e todos os sentimentos vieram à tona. Ri.

Adrenalina, ansiedade, medo. Alegria. Um verdadeiro frisson entre minha alma e a liberdade.


Saiam todos da minha frente, eu vou voar.







- Incrível. Simplesmente incrível. Parece que a cada ano eu fico mais ansiosa pro meu aniversário. Tá certo que esse tem algo em especial, afinal, não é todo dia que alguém completa dezoito anos. Dezoito. Dezoito anos. Meu Deus, como é estranho dizer isso. Não sei porque, mas nunca me imaginei sendo maior de idade, nunca ESPEREI ansiosamente por isso. Sem contar essa semana, claro. Sei que não muda nada, mas muda tudo. Quer dizer, agora já vou poder dirigir (cuidado!) e serei OBRIGADA a votar (haha, piadas a parte).

Além do mais, fazia tanto tempo que meu aniversário não caia num sábado de aleluia. Lembro que quando eu era criança, adorava. Não sabia nem o que era um sábado de aleluia, mas gostava do nome. Enfim, isso não vem ao caso.

É. É muito estranho. As pessoas sempre me disseram que eu penso (e sinto) como se fosse muito mais velha, mas eu não me sinto com dezoito. Sei que sou completamente imatura às (muitas) vezes e não me envergonho nem um pouco disso. Dezoito. Muito, muito, MUITO estranho. Mas não vejo a hora. Mesmo que não mude nada, como já disse antes.

Tô postando agora porque deu vontade de escrever isso, uma vez que não sei se postarei de novo antes do meu aniversário. Provavelmente sim, mas se deixasse pra depois a “inspiração” que tive agora, não seria a mesma coisa. Escrevi esse texto como se fosse onze horas e cinqüenta e nove minutos do dia 2 de abril, só pra constar.


Presentes são completamente dispensáveis, mas Audi TT é meu carro preferido e, visto que meu aniversário é um dia antes da páscoa, o chocolate que eu mais gosto é Ferrero Rocher. Fica a dica.

HAUHAUHAUHAUHAUHA




3 de abril. Meu querido 3 de abril... chega logo!

4 dias...



Beijos.

3 comentários:

MikeJr disse...

I love it, I enjoyed it to the last word. It was positive, fun, interesting,you offered informations about you and the future you. I love your writing. Beijos! Happy birthday, Happy Easter and Happy You :). Love to see you in a good mood. Love you little woman! xoxoxoxoxo

Carla Leão disse...

Lindo teu blog!
Amei!
beijo

Letícia disse...

Parabéns ! (se se eu aniversario for hoje 3 de abril, é q eu eu so meia lenta as vezes suahsau)
td de bom, felicidades e essas ladainhas toda =´) (se for hoje mesmo usahsuah)
Beiijooooooo.