quarta-feira, 2 de junho de 2010

- at first glance...


Diga-me o que meus olhos te dizem. Ou diga-me o que eles não dizem. Vai de você.

Interpretar olhares não é tão difícil quanto parece ser: um pouco de sensibilidade é suficiente. Um pouco só. O mínimo. O mínimo do mínimo.

Olhar nos olhos que é difícil. Uma tarefa perigosa, quase impossível. E você deve estar se perguntando o porquê disso, sendo que não sente absolutamente nada a cada vez que olha nos olhos de alguém.

Olhar nos olhos não é simplesmente olhar nos olhos: é a continuação do que as palavras não conseguem dizer. E é repetição. É tornar a irrealidade real, ou vice-versa. É quebrar suas próprias barreiras, imaginárias ou não. Olhar nos olhos é como voar, mas sem tirar os pés do chão. Simples assim.

Recado dado. Se me olhar nos olhos, olhe-os. Esqueça o resto do mundo, inclusive quem você é. Esqueça quem eu sou. Deixe que palavras se prolonguem através do silêncio, por mais improvável que isso pareça. E deixe que se repitam, como todas as outras coisas se repetem.


E você se repete em mim. Sempre.







"(...)Livrar-se de uma lembrança é um processo lento, impossível de programar. Ninguém consegue tirar alguém da cabeça na hora que quer, e às vezes a única solução é inverter o jogo: em vez de tentar não pensar na pessoa, esgotar a dor. Permitir-se recordar, chorar, ter saudade. Um dia a ferida cicatriza e você, de tão acostumada com ela, acaba por esquecê-la. Com fórceps é que a criatura não sai."

(Martha Medeiros)




E depois desse trecho da Martha, me atrevo a dizer mais alguma coisa?

Não. É claro que não.

4 comentários:

MikeJr disse...

What can I say about your eyes, they melt hearts. You beautiful eyes also try to hide something, something that hurts but they don't do such a good job :(. You are a great girl and you should let it all past and concentrate on the future and when you will do this, your eyes will listen. I want to see thse eyes one day in person and make them forget about everything and make them see only here and now. Take care beautiful girl with angelic eyes.

Rodrigo Costa disse...

Já não é de hoje que leio seu blog, achei por um mero acoso do google, e é impossível não suspirar com suas palavras. Mt das vezes tristes, outras por simples e gelida incompreenção do mundo pelos seus sentimentos. Irei passar por aqui sempre para agraciar-me com suas belas palavras. E quando tiver um tempinho livre passe no meu e veja que o fumegar do amor tambem esta por ai ! :D! Bjs !

Brian disse...

Olhar nos olhos, nem sempre significa "fletar", mas não tenho como negar que uma pontinha desta intenção estava em nossos olhares.
Nunca lhe disse que seu olhar 'sorri'? Mas é assim, seu olhar tem um brilho irradiante que aumenta o meu desejo de ficar por perto, de lhe mimar, abraçar... Lhe fazer sorrir... Como se seu sorriso me fosse necessário, talvez seja...

"o seu olhar melhora... Melhora o meu" (8)

Thalles disse...

"Olhe nos meus olhos quando falo contigo e veja tantas coisas que eles dizem que eu não digo" ( Peter Pan) ;D